7 erros de manutenção no WordPress e como evitá-los

Por Leandro Lopes 15/08/2022
8 Min Leitura
7 erros de manutenção no WordPress e como evitá-los
7 erros de manutenção no WordPress e como evitá-los

Erros de Manutenção no WordPress que você pode ter cometido ou não!

Os sites WordPress são incríveis quando são executados em todo o seu potencial, e é por isso que o WordPress é tão popular para as organizações. No entanto, existem alguns erros típicos de manutenção do site WordPress que podem causar uma experiência negativa no WordPress.

Se você puder evitar esses erros, estará no caminho certo para ter um site WordPress que você e seus usuários vão adorar. Conhecimento é poder, amigos, então sem mais delongas, aqui estão os detalhes.

1. Trabalhando ao vivo sem backup

Ao projetar sites de negócios, um dos grandes erros de manutenção no WordPress é que querem trabalhar no site, mas não têm um backup adequado feito antes de começar.

O que acontece se você cometer um erro?

O que acontece se algo der errado?

Quando você não tem um backup, não pode restaurar as coisas para onde estavam.

Com demasiada frequência, uma empresa contrata um profissional para fazer um novo redesenho de seu site, mas o faz sem um backup do antigo. O que pode ser pior é quando um profissional está trabalhando na versão atual e faz alterações que não podem ser revertidas.

Se você não gostar das alterações e não houver backup, não há muito o que fazer neste momento. É melhor fazer backup do seu site , mas também é um bom conselho que você não trabalhe no site ativo ao projetar.

Os backups também são críticos em caso de violação de segurança. Se o seu site for invadido ou infectado com um vírus, com um backup atual, você poderá estar pronto para funcionar em pouco tempo.

2. Não tomar as devidas precauções de segurança do site WordPress

Quando sua empresa hospeda um site online, haverá vulnerabilidades. É crucial que você leve a sério a segurança do seu site WordPress. Você não quer deixar sua organização aberta a violações de dados e ataques cibernéticos.

Embora isso prejudique seus resultados em termos de tempo de inatividade, também pode prejudicar a reputação da sua marca se os clientes sentirem que seu site não é seguro. Os clientes querem o conforto de saber que você leva a sério suas informações pessoais e privadas, protegendo-as de hackers.

Não apenas isso, mas o Google também pode marcar seu site como inseguro, e seus resultados de pesquisa serão prejudicados. Um sólido serviço de manutenção regular do site WordPress pode ajudá-lo com ameaças emergentes e atualizações do site WordPress.

Leia também

3. Não indexar seu site

Tenha em mente que o design de sites de negócios nunca termina “realmente”. É provável que você queira fazer algum trabalho depois de iniciá-lo. Se o seu site for um “trabalho em andamento”, você deve desativar a indexação até estar pronto para lançá-lo ao mundo.

Isso impedirá que o Google inclua seu site como parte dos resultados de pesquisa e lhe dará mais tempo para experimentá-lo e fazer alguns testes sem que o cliente o veja. Infelizmente, uma empresa ou seu designer pode esquecer de ativar a indexação novamente. Se você esquecer de ativá-lo, perderá o tráfego orgânico do Google .

Este é um grande problema para seus esforços de otimização de mecanismos de busca . Se o Google não indexar seu site, você ficará invisível nos resultados de pesquisa do Google.

Para desativar a indexação, vá para Configurações, depois Leitura e marque a caixa “Evitar que os mecanismos de pesquisa de indexar este site”. Para reativar a indexação, desmarque a caixa.

erro de manutenção no wordpress
erro de manutenção no wordpress

 

4. Não executar uma verificação de desempenho

Um dos grandes erros de manutenção no WordPress é esquecer de testar o desempenho do site. Um elemento essencial da conversão é a velocidade e o tempo de resposta.

Ninguém gosta de visitar um site lento. Seus clientes querem que suas páginas sejam carregadas em dois segundos ou menos. Se você quiser descobrir o desempenho do seu site, confira nosso teste de desempenho do site .

5. Negligenciando as atualizações do WordPress

Uma prática comum para fazer atualizações adequadas do site WordPress é garantir que os temas e plugins estejam sempre atualizados. Da mesma forma, o software principal precisará ser atualizado. Isso faz com que o WordPress funcione como deveria.

Um tremendo erro é não manter o WordPress atualizado. As vulnerabilidades de segurança podem se esconder em recursos não atualizados. Plugins com bugs não podem ser usados, então reverta-os e mantenha o site atualizado.

Caso contrário, você terá uma experiência insegura, lenta e mal otimizada para seus visitantes, portanto, priorize as atualizações .

6. Execesso de Plugins

Os plugins são ótimos! (Inclusive temos um conteúdo sobre plugins aqui )Eles são o que torna seu site único e fácil de usar. Mas, como acontece com outros produtos e serviços, muitos sinos e assobios podem ser um problema.

Plugins são códigos de software, portanto, quando você tem muitos, há uma oportunidade para os hackers atacarem, causando uma violação de dados. Especialmente se você tiver um plug-in desatualizado ou não mais suportado.

Eles também podem ser intensivos em recursos. Muitos plugins e seu site ficará lento.

Além disso, quanto mais você tem, mais difícil é acompanhá-los, e eles nem sempre são compatíveis entre si. O que você quer é um punhado que seja super útil para você e seus visitantes. Não instale um plugin a menos que seja um recurso que seu site não pode prescindir.

Se você estiver procurando por uma sugestão, 10 a 20 plugins são típicos, mas isso é apenas uma sugestão. Isso realmente depende de suas necessidades específicas.

Lembre-se apenas de instalar plugins essenciais para o seu site.

7. Usando má hospedagem na web

Se você trabalha com um bom provedor de hospedagem na web, evitará muitos erros comuns de manutenção de sites. O provedor de hospedagem errado pode causar tempos de carregamento do site mais lentos, falta de backups diários, medidas de segurança fracas e suporte ao cliente ruim.

Seu provedor de hospedagem de sites pode afetar diretamente a execução do seu site WordPress. Escolha um bom provedor com gerenciamento e suporte abrangentes.

Conclusão

São erros relaticamente fáceis de evitar mas negligênciados por uma grande parte de profissionais que trabalham com WordPress. Aqui na otimizar.me uma de nossas especialidades é justamente manter o WordPress 100% funcional, atualizado e com beckup, então, se você quer se preocupar apenas com seu negócio, deixe seu site conosco!

Nossa equipe é especialista em WordPress, faça contato conosco para otimizar seu WordPress!

Siga-nos no instagram para mais dicas como estas.

Assine nossa Newsletter!

Fique por dentro das últimas atualizações de desempenho do WordPress e da web.
Direto para sua caixa de entrada a cada duas semanas.

Compatilhe este Conteúdo
Postado por Leandro Lopes
Seguir
É especialista em WordPress com mais de 10 anos de experiência no CMS, além de experiência em provedores de hospedagem, banco de dados, front-end e back-end em desenvolvimento web. Trabalhou ou teve participação em projetos ligado à empresas: Hopi Hari, iG, entre muitos outros