Guia para otimização de página web com SEO

Este guia para otimização de página apresenta todas as verificações que você precisa para garantir que um site seja otimizado para pesquisa.

Esta lista de verificação reunirá muito conteúdo já publicado do site em um só lugar, e haverá links para guias mais detalhados.

Inscreva-se no Google Search Console

O guia para otimização de página recomenta formente que O Search Console  seja configurado em seu webiste. É onde você pode monitorar o desempenho do seu site, identificar problemas e monitorar backlinks, como também, aqui que o Google se comunica com você caso algo dê errado.

A seguir você vai ver as principais coisas que você deve configurar e verificar regularmente no Search Console:

Defina seu domínio preferido: se seu site aparece nos resultados de pesquisa com o prefixo www ou sem ele.

Aprimoramentos em HTML: é aqui que o Search Console recomenda melhorias em suas meta descrições e tags de título, além de informar sobre qualquer conteúdo não indexável.

Links para o seu site: aqui você pode ver os domínios com mais links para o seu site e seu conteúdo, bem como as páginas da Web mais vinculadas.

Ações manuais: o Google informará se ele administrou uma ação manual em seu site ou página da web específica.

Segmentação internacional: verifique se está segmentando seu público-alvo preferido com base no idioma e no país.

Status do índice: permite saber quantas páginas do seu site estão atualmente incluídas no índice do Google. Você pode ver rapidamente tendências preocupantes, bem como páginas que foram bloqueadas por robôs ou removidas.

Erros de rastreamento: este relatório mostra todos os erros que o Google encontrou ao rastrear seu site nos últimos 90 dias.

Editor robots.txt: é aqui que você pode editar seu robots.txt e verificar se há erros. A parte inferior da página revela seus erros e avisos.

Inscreva-se no Google Analytics

O Google Analytics é um serviço gratuito que rastreia e relata o tráfego do site. Fornecendo informações sobre a demografia dos visitantes do site, o desempenho de uma campanha específica e por quanto tempo as pessoas permanecem no seu site.

Verifique se o Google Analytics ou o pacote de análise que você está usando está configurado e pronto para começar desde o primeiro dia, para que você possa medir e analisar o tráfego do seu site.

Velocidade do site

Use a ferramenta de teste de velocidade do site do Google para verificar a rapidez com que o site é carregado e implementar as alterações recomendadas.

Mobile friendliness

Este guia para otimização de página alerta para que seu conteúdo são igualmente otimizados para qualquer tamanho ou dispositivo de tela? Lembre-se de que o Google afirmou que o design responsivo é seu método preferido de otimização para dispositivos móveis. Consulte a nossa lista de verificação completa para dispositivos móveis para ajudar a corrigir quaisquer problemas.

Title tags

  • As tags de título devem ter entre 50 e 60 caracteres, incluindo espaços.
  • Suas palavras-chave mais importantes precisam ser as primeiras em sua tag de título, com as palavras menos importantes em último.
  • Se o nome da sua empresa não fizer parte das frases-chave importantes, coloque-o no final da tag title.
  • Não duplique as tags de título, elas devem ser escritas de maneira diferente para cada página.
  • Não replique suas tags de título em massa, isso afetará negativamente a visibilidade da sua pesquisa.
  • As tags de título devem descrever com precisão o conteúdo da página.
  • Não identifique tags de título de “palavras-chave”.
  • Faça seu título (tag) diferente da tag title.

Meta descriptions

  • Verifique se as palavras-chave mais importantes da página são exibidas na meta descrição.
  • Escreva um conteúdo legível.
  • Uma meta descrição não deve ter mais que 135 – 160 caracteres. Por mais tempo, e os mecanismos de pesquisa serão úteis, verifique se todas as palavras-chave importantes estão mais próximas da frente.
  • Não duplique as meta descrições.

Headlines

Os títulos dos seus artigos devem ter menos de 55 caracteres para garantir sua total visibilidade nos SERPs. Verifique se eles são ágeis, atraentes e o mais descritivos possível.

H1 – H6 tags

Verifique se as manchetes estão marcadas como H1 e se há subtítulos nos seus artigos como H2, H3 etc. Verifique se eles são usados ​​em uma ordem lógica e descendente.

Imagens

Verifique se todas as suas imagens estão otimizadas para a web. Garantindo que eles não sejam muito grandes – e que drenem a velocidade do site. Além de ser devidamente rotulado com títulos e texto alternativo.

XML Sitemaps/HTML Sitemap

Verifique se o site possui um mapa do site preciso nos formatos XML e HTML, para garantir uma indexação completa e completa pelo Google.

(AMP) Accelerated Mobile Pages

Se você estiver usando o projeto AMP do Google para fornecer aos usuários de dispositivos móveis um carregamento mais rápido de páginas da web, verifique se elas estão sendo renderizadas corretamente. Você pode verificar isso na ferramenta AMP do Search Console.

Integração de mídia social

Os ícones de mídia social no site vão para as páginas corretas? Você tem os botões e plug-ins sociais instalados para o que você está tentando realizar e o que deseja que o usuário possa fazer? (Por exemplo, ele “compartilha uma postagem” em vez de “curtir” sua página no Facebook.)

Certificado seguro

Se o seu site for de comércio eletrônico ou você estiver usando páginas criptografadas para proteger a privacidade do visitante em um formulário ou em outro lugar, será necessário verificar seu certificado.

Conteúdo duplicado

Este guia para otimização de página alerta para que se você tiver conteúdo duplicado em seu próprio site, configure um redirecionamento 301 para que o Google indexe apenas sua página preferida.

Verifique se o Google está indexando apenas seu domínio preferido, ou seja, com o prefixo www ou sem ele: http://www.exemplo.com ou http://exemplo.com. O Google pode tratar as versões www e não www do seu domínio como sites separados, com páginas separadas, prejudicando sua visibilidade.

Se você republicar o conteúdo de outro site (com permissão, é claro), verifique se há uma tag rel = canonical em cada página com um link para a fonte original.

Google News

Verifique se seu site está qualificado para o Google Notícias. Caso contrário, tente reenviar depois de executar as sugestões do Google.

Nofollow

Adicione rel = “nofollow” a todos os links que você não deseja que os rastreadores de mecanismos de pesquisa sigam. Por exemplo, conteúdo patrocinado ou artigos liderados comercialmente com links para fornecedores ou prestadores de serviços.

Verificar dados estruturados

A seção Dados estruturados no Search Console contém informações sobre todos os elementos de dados estruturados que o Google localizou em seu site, seja da marcação do esquema ou de outros microformatos, então verifique se há algum erro. Se você clicar nos “Tipos de dados” individuais, ele mostrará exatamente quais URLs contêm essa marcação específica e quando foi detectada.

Códigos de resposta a erros

Os códigos de resposta, como 400, 403, 404, 500 e 503, devem ser todos cuidadosamente investigados, como também, se você vir vários resultados 404 de links internos do site, corrija os links incorretos imediatamente.

Garante que 301s sejam usados ​​para todos os redirecionamentos e evite os redirecionamentos 302 ou 307.

Links Internos

Você está usando links internos da maneira mais eficaz? Você deve ter alguns links internos relevantes por artigo (dependendo do tamanho e do tipo de conteúdo). Verifique se o texto âncora é descritivo da página vinculada.

Este guia para otimização de página teve o objetivo de auxiliar no início dos trabalhos de SEO.

Author avatar
Leandro Lopes
https://otimizar.me/
Empreendedor Digital a mais de 15 anos, atuando com empresas de pequeno, médio e grande porte, tive a oportunidade de participar de diversos desafios.
Nós usamos Cookies para entregar uma melhor experiência para você!